terça-feira, 29 de setembro de 2015

Videntes e ovnis

$onhei que passava na rua por uma casa de madeira, mas esta me trazia a sensação de um caminho espiritual, de modo que voltei a mesma e lá havia uma vidente que eu consultava. Falei com a família, esta composta apenas de mulheres, e a moça em questão, que ia me atender, estava ocupada. Passei um tempo conversando e sentindo paz de espírito. Depois, fora da casa, vimos discos voadores no céu, ou alguma espécie de OVNI, de modo que pareciam aviões que flutuavam silenciosos.

domingo, 26 de janeiro de 2014

SONHOS REVELADORES E CRIMES

SONHOS REVELADORES E CRIMES




27/04/2011 – “$onhei que estava na oficina de tio (H) e que este me mostrava tornos mecânicos, e havia três, dois pequenos e um grande, sendo esse maior em formato de U. Pegou algo que estava pendurado no teto, uma peça e colocava em outro lugar. O local estava limpo e varrido. Chegou um cliente e o meu tio foi atender, mas surpreso descobriu ser um assalto, e o homem conduziu ele com a arma, sendo que ele foi até os fundos, mas me vendo o bandido. Tentei assim sair quieto pela porta da frente, mas havia um comparsa, sendo que este me apontou o revólver (parecia um 38) de modo que me levou a um local dos fundos da oficina. Só que eu conversava e este me deixou ver a arma, de modo que eu consegui apontar e ameaçar segundo, conseguindo negociar com os bandidos de modo que falei haver carros na frente, estando na rua. O bandido O bandido estava ainda com uma mulher que o acompanha, e foram embora sorrindo, de modo a aparentarem ser educados”.



27/04/2011 – “$onhei que fugia para um galpão, de ladrões que me perseguiam, de modo que eu achei uma fresta no teto, uma passagem, subindo lá e achando uma viga, numa certa altura. Outros subiam em lugares diferentes e um se apoiava em uma viga onde eu estava, de modo que se jogou, cometendo suicídio. Outro que se suicidou era o jogador de futebol, R, sendo que caiu em uma cova. Eu estava tranquilo e não tinha desespero. Não vi os ladrões”.

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Voltando a estudar

 



27/09/2013 $onhei que estava em uma sala de aula, num curso de teologia ou ciência da religião, de modo que era um bom aluno, respondia e e era elogiado por não ser de "vocação, mas por ser esforçado.

terça-feira, 28 de maio de 2013

$onho com naja



$onhei que uma serpente tentava me picar na mão, sendo esta uma espécie de naja. Esta se comportava como se fosse um animal de estimação ou eu fosse um encantador de serpentes, e assim ela ia a voltava, como um cão desagradável. Ela assim me picava na unha, e não me provocava muito medo. Em certo momento eu a dominava pegando na rejião abaixo da cabeça, por traz. Esta me cansava, pois parecia ter muita energia.

segunda-feira, 20 de maio de 2013

sonho de conquista



19/05/2013 $onhei que estava em uma comemoração, no último banco à direita e no interior de uma igreja. Havia uma referência em imagem de projetor informando a quantidade de 55 livros, e eu pensava que apenas sou autor de 22 e estaria errado. Estava junto a minha mãe e  antes alguém me disse para mudar a camisa e paletó, alguém que organizava o evento. Ganhei um brinde mas era algo sem importância.  

domingo, 14 de abril de 2013

Homens de pedra



12/04/2013 $onhei que estava observando homens de pedra que perseguiam e possivelmente matariam pessoas. Havia dois tipos de homens de pedra: um maior e mais poderoso; outro mais lento. Ambos tinham o formato que se aproximava do cúbico. Eu assim fugia e subia escadas, sendo também perseguido por tais seres. Chegando a um lugar alto de um casarão, espécie de sótão, como se em uma montanha, decidi chegar perto de uma janela aberta, e, após pensar no perigo relacionado aos seres, decidi pular, como uma única fuga possível. Logo após esse ato, na queda livre, percebi que parecia flutuar, e havia uma sensação agradável. Sendo assim, em determinado momento comecei a meio voar, e páracia que surgia asas em minhas costas.  

domingo, 7 de abril de 2013

Chave que não dá partida




$onhei que estava em meu carro e que girava a chave, mas por algum motivo o carro não ligava e a chave girava, dando voltas, sem ocorrer a ignição. Eu ficava p´reocupado por ter de arrumar esse defeito. No mais o carro é novo.

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Sonho de fuga




$onhei que estava fugindo de alguém ou da polícia, e que me escondia no forro e telhado de uma casa. Observava o movimento e espiava aqueles que me procuravam. Consegui ficar pelo lado de fora, passando pelo telhado. Em certo momento fui descoberto e pego ou preso. Estava porém feliz, por ter um sentido a minha busca ou fuga. Uma sensação de missão cumprida.